sexta-feira, 25 de março de 2011

10 filosofias de Johnnie Walker

johnniewalker9 johnniewalker johnniewalker1 johnniewalker2 johnniewalker3 johnniewalker4 johnniewalker5 johnniewalker6 johnniewalker7 johnniewalker8


Retirado do Blog Genialidades & Generalidades

http://padilhaverde.blogspot.com/2011/03/10-filosofias-de-johnnie-walker.html

terça-feira, 22 de março de 2011

Cães autorizados a usar o metrô em Moscou

 
O cão aguarda na plataforma

Cães vadios são comuns andando de metrô entre o subúrbio e o centro da cidade.
Esses cães pegam o metro de manhã, em direção ao centro da cidade onde eles tem maiores chances de conseguir comida e, ao anoitecer, eles pegam o metrô de volta para os subúrbios onde dormem.

Especialistas que estudam esses animais descobriram que eles, inclusive, trabalham juntos para garantir descerem na estação desejada. Eles aprendem a calcular o tempo que leva a viagem. Preferem entrar nos vagões de começo ou do fim do comboio por serem mais silenciosos e menos cheios.

Cientistas acreditam que o fenômeno começou com a queda da União Soviética e os complexos industriais mudaram do centro para os subúrbios...

Dr. Andrei Poiarkov, do Instituto de Ecologia e Evolução de Moscou disse que que os cães vadios usavam os complexos industriais como abrigo e, portanto, tiveram que se mudar junto com suas casas.

Mas o centro da cidade é o melhor lugar para conseguir comida e então eles aprenderam a pegar o metrô de manhã e voltar para "casa" à noite. Igual a qualquer trabalhador.
 
Alguns ainda tiram um cochilo durante a viagem
Dr. Poiarkov ainda descobriu que os cães também se divertem pulando dentro dos vagões segundos antes das portas serem fechadas, correndo o risco de terem suas caudas presas na porta.
 
Um cão cansado tira um cochilo dentro do metrô.
Os cães aprenderam também a usar as luzes de tráfego para poderem atravessar as ruas sem correr riscos...

Uma vez no centro da cidade estes cães desenvolveram uma tática para fazer com que os humanos dêem-lhes comida e de maneira mais rápida...

Eles se posicionam atrás da pessoa que está comendo e em dado momento emitem um latido forte. Com o susto a pessoa deixa cair a comida no chão...(ACREDITE SE QUISER!)


Com as crianças, os cães brincam, pulam, sentam e lançam olhares suplicantes e conseguem com isso dividir o lanche com elas.

Dr. Poiarkov confirma que os cães são excelentes psicólogos e sabem usar disso.

Os cães vadios de Moscou não são os primeiros a usar os transportes públicos.

Em 2006, um Jack Russell Terrier, em Dunnington começou a usar o ônibus para ir ao pub local atrás de salsichas...

E há dois anos passageiros em Wolverhampton viram abismados um gato, chamado Macavity (como o do poema de Elliot), começar a pegar o onibus  e descer na porta de um determinado pub em busca de "fish and chips" (peixe com batatas).


Retirado do Blog Genialidades & Generalidades

http://padilhaverde.blogspot.com/2011/03/caes-autorizados-usar-o-metro-em-moscou.html

segunda-feira, 21 de março de 2011

Servidão voluntária ou Renovação partidária

Pela Democracia no PV

Sempre que me perguntam ‘porque escrevo tanto’, tenho uma só resposta: escrevo para não espantar os devires.

Não escrevo para mim, ou para você que me lê neste momento, mas para desanuviar o pensamento e limpar o sentimento de qualquer forma de desânimo.

Tão logo terminou a reunião da ENPV – depois de cinco meses de desmarcação calculada com o propósito de esvaziar o nascimento do novo – pensei: novamente fomos dis/traídos em nossos sonhos; novamente vamos enfrentar o pesadelo do desatino político-partidário.

Depois que li o relato de Alfredo Sirkis, dei-me conta de que meus ‘Escritos da Espera’ – fragmentos intempestivos inoportunos - tinham de esperar um pouco mais para  se pintar o Brasil com as cores da diferença.

Os depoimentos ouvidos na reunião nacional foram estarrecedores. Na hora da votação, algumas tristes surpresas, de pessoas que jamais imaginaria que votariam em favor do fechamento em troca de “controles locais” ou “empreguismos políticos”.

Minha curta presença ou passagem no PV – digo passagem no sentido de sermos todos passageiros de algo maior que ‘qualquer um’ mesmo que sejamos ‘qualquer outro’ – dá sustento ao seguinte pensamento: melhor  seria  reunir os diferentes verdes num programa comum e que esse programa fosse incomum e diferenciado dos demais partidos instituídos no Brasil.

O pior é o que vimos: uma combinação de servidão voluntária da maioria a um esquema partidário de um senhorio medieval que recusa os procedimentos mais incipientes da democracia dita liberal ou democrática.

A servidão no Partido Verde combinada com a Tirania presidencialista apequenada  – lembrar que a justificativa dada para se realizar a reunião cinco meses depois das eleições foi – dito literalmente – “tudo no Brasil começa depois do carnaval” (Penna) - está instituída.

***

Felizmente, há um movimento em curso no PV, um movimento de mil vozes e milhões de sonhadores que clama e proclama por uma transição democrática radical (nas palavras de Eduardo Jorge), no partido. Parece pouco ou estranha a formulação “transição democrática” seguida pela palavra ‘radical’, inda mais vinda dessa pessoa tão admirável.  

E que a ‘reforma política’ deva ser, antes e também, a reforma da qualidade na política dos partidos. E mais: a qualidade na visão e na prática dos que assim pensam.

Faço parte deste movimento de qualidade na política antes mesmo de estar filiado no PV – assim como milhões de brasileiros que, de fora ou de dentro, acompanham as formações partidárias nos últimos 30 anos, e que sonham e lutam, por uma nova política no Brasil.

Esse desejo, essa vontade política ou ‘movimento de multidão’ de pessoas interessadas em participar, criar e instituir uma nova política – as vezes representadas ou expressas em suas minorias -, não caberia num só coração ou partido, num só agrupamento ou movimento, ainda que fosse a expressão de sua pluralidade ou multiplicidade.

Aqui somente a subtração desse múltiplo e desse poder plural se manifesta não numa simples somatório de interesses – ou votos – mas numa quantidade qualitativa subtraída do múltiplo que hospeda as partes participantes.

Mas um partido também é instituído com base ‘numa unificação’ ou ‘representação única’ que, em tese, deve se governar por seu estatuto (suas regras), seu manifesto (seus valores) e seu programa (suas ações políticas). Os associados devem preservar estes referentes instituídos e legalmente constituídos. Quando eventuais golpes e manobras conferem poder a alguns, de tal forma que riscam os ideais que lhe dão sustentabilidade e expressam nos seus estatutos, manifestos e programas, é legítimo da parte dos associados  resistir e lutar pelos valores da instituição.

A unificação que deveria ser programática e democrática, no entanto, tem sido emperrada pela pragmática personalista, com base na clientela e servidão oriundas de um sistema de cercanias distribuídas entre golpista e donatários nomeados e chamados “presidentes”. Temos resistido como podemos diante desses golpes de mestres da coisa feita em nossa instituição partidária.

Hoje, 18 de março de 2011, rigorosamente falando, não existem nenhuma direção estadual e municipal instituída no país e que possa responder com legitimidade pelo manifesto, estatuto e programa partidário. O esforço feito e liderado por fundadores do partido e filiados históricos do PV, juntamente com aqueles que estão no partido desde a vinda de Marina e de outros líderes dos mais diferentes setores da sociedade, no entanto, tem sido sistematicamente desmobilizado e desqualificado.

***

Ao mesmo tempo que faço parte desse ‘movimento de transição democrática’ no PV, estou entre aqueles que guardam um sentimento ‘disperso’ de que há pouquíssima chance de fazermos qualquer transição, democrática e radical sem que seja desfeito o modelo “presidencialista” e “territorial” de distribuição do poder partidário.

A incipiente qualidade da democracia praticada entre nós  – somos um partido sem instâncias, sem fóruns coletivos para tomada de decisão, sem ritos democráticos, sem vida participativa, sem alegria e, sobretudo, sem confiança mútua e pouquíssima capacidade de acolhimento dos novos e do novo - coincide com a reforma da política e o partido deve dar exemplo, como fizeram com a lei da ficha limpa.

Por fim, estamos distantes do sonho de uma democracia radical no PV – tal como se expressa na ideia de ‘partido-rede’ (Sérgio Xavier) pois implica/implicaria numa formação mais rizomática (horizontal) que arbórea (vertical); e essa ideia fica tão mais distante quando ignorada na proporção do sentimento de esvaziamento e de impotência que temos a cada reunião do partido verde instituído.

A proposta defendida pela ‘parte da maioria’ “prorrogar por dois anos” (Zé Carlos) a atual direção e/ou “até um ano” (Sarney Filho), como afinal foi aprovada por 29 a 16 votos na reunião de ontem (17/03/2011), tinha como contraponto, da parte da minoria, a proposta de se realizar a Convenção em Julho (Sirkis) ou em Setembro (Aspásia), precedida de Seminários, nacional e estaduais, por um Congresso de atualização programática e partidária e a Convenção nacional.

[Lembrar a todos que esses ‘compromissos’ foram pactuados para serem efetivados em 2010. Porém – e para podermos focar no projeto presidencial - ficou acordado na Coordenação Nacional e em reunião de Executiva Nacional deixar para logo depois das eleições (até abril de 2011) essas atualizações programáticas e estatutária).

Estava entre os que defendiam o mês de Setembro – um ano antes do prazo de filiação partidária – para que pudéssemos preparar o partido para as eleições municipais de 2012 e prosseguir o esforço da construção do projeto nacional do PV para  eleger Marina presidente em 2014 – como é o desejo político de milhões de brasileiros.

Prevaleceu a ‘política pragmática’ e golpista dos que querem o PV uma sigla para manter o atual regime de servidão, meio de emprego e clientela, detentores de espólios e poderes das cercanias territoriais desconjuntadas de um projeto nacional, jogando na vala comum da política brasileira o legado extraordinário conquistado nas eleições de 2010.

O fato é que perdemos todos com a decisão de prorrogar o mandato do atual presidente e demais dirigentes nacionais. Os que assim decidiram o fizeram em troca de um controle territorial  da sigla para que possa ser vendida a ser enobrecida, apequenada a ser fortalecida, rebaixada que elevada ao patamar de partidos verdes sintonizados com os desafios do século 21.

Escrevi uma vez mais para pensar com vocês e compartir deste sentimento que também é o de milhares de verdes brasileiros.

Escrevi  para conclamar uma intensa e ampla mobilização dos filiados nos municípios e estados para que a Convenção seja feita até Setembro de 2011, criando a oportunidade para crescermos em 2012, reorganizar o projeto partidário, eleger vereadores e prefeitos, e nos prepararmos para governar o Brasil em 2014.

E para que, na próxima reunião da Executiva Nacional, possamos estar mobilizados para definir uma data da Convenção – até Setembro de 2011 - que faça o PV crescer e não diminuir sua força e sua história. E que não reconheçamos nenhuma direção estadual ou municipal que não estejam comprometidas com os estatutos, o programa e manifesto político do PV, tão oportunamente lembrado por Sirkis:

“O Partido Verde se define como um movimento de cidadãos e não de políticos profissionais ou homens de aparelho. Considera que o povo brasileiro está descontente com a chamada "classe política" e almeja um tipo de representação e ação mais eficiente, desinteressada e moderna. O povo brasileiro está cansado de uma elite fisiológica, que vê na política não uma forma de representação das aspirações dos cidadãos, mas uma carreira profissional, um caminho de enriquecimento e poder individual”.


Postado por Jose Paulo Teixeira em 19 março 2011 às 12:00

http://redepv.ning.com/profiles/blogs/servidao-voluntaria-ou

domingo, 20 de março de 2011

PIADEX

Um tipo está a jogar tênis e leva uma bolada forte no pênis, causando um 'trauma muscular peniano'.  Em agonia, dirige-se ao médico:
- Doutor veja o que é que pode fazer por mim... Vou casar no final da semana; a minha noiva é virgem e não posso decepcioná-la.
- Não se preocupe, vou tratar de ti de maneira que esteja tudo em ordem para o dia do seu casamento.
Então, pega 4 pauzinhos, que habitualmente são usados para examinar a garganta dos pacientes e, com fita adesiva,consegue prendê-los ao redor do pênis, de forma a recuperar a rigidez do mesmo.
O tipo não conta nada à noiva, casam-se, e na noite denúpcias, já na privacidade do quarto, a noiva fogosa arranca os botões da blusa e mostra-lhe os peitos, exclamando:
- És o primeiro! Nunca nenhum homem tocou estes seios!
Para não ficar atrás, o noivo abre a braguilha, baixa as calças e exclama:
- Olha,estás a ver?  Ainda está encaixotado!


Quase no fim de uma entrevista coletiva, um repórter fez a seguinte pergunta aos três políticos presentes:
- Senhores, se vocês fossem solteiros, com quem os senhores gostariam de se casar?
O primeiro a responder foi Paulo Maluf:
- Eu me casaria com a Gisele Bündchen, a mulher mais bonita do Brasil.
Então, um bêbado, lá no fundo, batendo palmas, grita:
- Isso mesmo, muito bom, casou pela beleza, é isso ai, muito bom.
Logo após, o Governador José Serra deu a sua resposta:
- Eu voltaria a casar com minha esposa, pois eu a amo e ela me ama.
O bêbado, mais uma vez:
- Muito bem, é isso ai, casou por amor, valeu, muito bom.
E então, o Presidente Lula, demagogo como sempre, deu a sua resposta:
- Eu me casaria com o Brasil, meu coração pertence ao país.
E o bêbado, lá de trás:
- É isso aí, muito bom, isso que é homem honrado: fudeu tem que casar.


Dois amigos conversavam, quando, depois da segunda, terceira, quarta caneca de vinho, Carlos declarou:
- Sabe Beto, descobri uns lances estranhos e acabei com tudo, quase deu morte. Tô na fase da divisão dos bens. Separação é foda.
- Pô, cara, é foda mesmo...
- Tô meio puto, mas agora vou organizar minha vida sozinho e de forma diferente.
- Mas, Carlos, sabe de uma coisa? Foi bem melhor mesmo. Tua mulher tava dando pra todo mundo e os caras que comeram disseram que ela é mais puta que a imperatriz Teodósia de Bizâncio, aquela que gostava de ser comida por três escravos núbios ao mesmo tempo.
- Porra, Beto !!! Eu me separei foi do meu sócio!
"Silêncio Total"
Um papagaio engoliu um comprimido de Viagra, distraidamente deixado ao seu alcance pelo dono. Este, preocupado com o efeito, mete o papagaio no congelador para acalmá-lo.
Uma hora mais tarde o dono abre a porta e vê o papagaio todo suado.
- Como pode você estar suando no congelador?
O papagaio responde.
- Você pensa que é fácil abrir as pernas de uma galinha congelada?


Quatro pacientes estão reunidos na sala, com o seu terapeuta. O terapeuta pede que se apresentem, que digam qual é a atividade de cada um, e comentem porque a exercem.
O primeiro diz:
- Me chamo Francisco, sou médico porque me agrada tratar da saúde e cuidar das pessoas.
O segundo se apresenta:
- Me chamo Angelo. Sou arquiteto porque me preocupa a qualidade de vida das pessoas e como vivem.
A terceira fala:
Meu nome é Maria e sou lésbica. Sou lésbica porque adoro peitos e bundas femininas e fico louca só de pensar em fazer sexo com mulheres.
O quarto, um mineirinho, diz:
- Sô Tunico, e inté gorinha achava qui era pedrêro, mais cabei de discubrí qui sô é lésbico...


- Joãozinho estava brincando no playground da escola, qdo viu o carro do seu pai passando em direção ao mato atrás da escola... ele Seguiu o carro e viu seu pai e tia Jane, se abraçando apaixonadamente! Joãzinho achou isso tão excitante, que não se conteve e correu pra casa para contar pra sua mãe o que tinha visto ...
- Mamãe, mamãe, eu estava no playground da escola, qdo vi o carro do papai indo pro mato com a tia Jane dentro... Eu fui atrás pra ver e ele tava dando o maior beijo na tia Jane....depois ele a ajudou a tirar sua blusa... aí a tia Jane ajudou o papai a tirar suas calças e depois a tia Jane....'
Nesse ponto a Mamãe o interrompeu e disse:
- Joãozinho, essa é uma estória tão interessante, que tal
você guardar o resto dela pra hora do jantar?....
Eu quero ver a cara do seu pai, qdo você contar tudo isso hoje à noite!'
Na hora do jantar, a Mamãe pediu pro Joãozinho pra contar sua estória... Joãozinho começou a sua estória:
- 'Eu tava brincando no playground da escola, qdo vi o carro do papai indo pro mato com a tia Jane dentro... aí, fui correndo atrás pra ver e ele tava dando o maior beijo na tia Jane...aí ele a ajudou a tirar sua blusa... aí a tia Jane ajudou o papai a tirar suas calcas e depois a tia Jane e o Papai começaram a fazer as mesmas coisas que a Mamãe e o tio Bill faziam, quando o Papai estava no exército ...'
A mamãe desmaiou!
Conselho: Dê atenção a quem estiver falando com vc e escute tudo até o final, antes de tirar sua próprias conclusões!


sexta-feira, 18 de março de 2011

Tavinho Luck é o nome do PV para prefeitura em 2012

Em reunião com lideranças do Partido Verde em Ponta Grossa, esta semana, Tavinho Luck, o Véio da Rádio T, confirmou sua vontade de encabeçar a chapa majoritária do PV em 2012 e ajudar a montar um chapa forte para as eleições proporcionais.

“Fui convidado pelo Presidente local, Lauro Padilha, para disputar o Palácio da Ronda em 2012 e recebi o apoio de diversos amigos e empresários que acreditam no meu potencial para governar a cidade”, comentou Tavinho. “Por isso aceito e desafio e junto com a presidência iniciaremos um trabalho de fortalecimento dos nomes que seguirão conosco nas eleições proporcionais”, completou o pré-candidato.

Tavinho foi candidato a Deputado Federal em 2010 e amealhou expressivos 13003 votos na cidade ficando atrás apenas do eleito Sandro Alex e do histórico Affonso Camargo na preferência dos eleitores ponta grossenses.

“O PV a partir da minha gestão como presidente, decidiu lançar candidatos em todas as eleições como forma de fortalecer a sigla que estava abandonada na cidade. Com a aceitação do Tavinho na chapa majoritária, agora trabalharemos na formação de chapa completa de vereadores com nomes fortes visando à eleição de dois vereadores na cidade”, explicou Padilha.

Na terça-feira a executiva estadual visitará a cidade para apoiar a candidatura do Tavinho e conhecer alguns nomes que comporão a chapa de candidatos a vereador e novos integrantes que estarão ao lado do Padilha no comando da diretoria do PV na cidade.

PARTIDO VERDE

Direção Executiva de Ponta Grossa

quinta-feira, 17 de março de 2011

Cervejaria japonesa cria cerveja de chocolate

Cerveja da Sapporo tem sabor amargo de chocolate.

Kit com três latas de 350 ml custa cerca de US$ 16.

cervejadechocolate

(Foto: Reprodução/Sapporo)
A cervejaria japonesa Sapporo lançou em janeiro uma edição limitada de uma cerveja de chocolate. Batizada de Chocolat Brewery, a cerveja é fabricada com malte torrado e cacau e tem sabor amargo de chocolate. O kit com três latas de 350 ml custa cerca de US$ 16 (R$ 36).

Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/PlanetaBizarro/0,,MUL997341-6091,00-CERVEJARIA+JAPONESA+CRIA+CERVEJA+DE+CHOCOLATE.html

Crônica da Loucura

O melhor da Terapia é ficar observando os meus colegas loucos. Existem dois tipos de loucos. O louco propriamente dito e o que cuida do louco: o analista, o terapeuta, o psicólogo e o psiquiatra. Sim, somente um louco pode se dispor a ouvir a loucura de seis ou sete outros loucos todos os dias, meses, anos. Se não era louco, ficou.
Durante quarenta anos, passei longe deles. Pronto, acabei diante de um louco, contando as minhas loucuras acumuladas. Confesso, como louco confesso, que estou adorando estar louco semanal.
O melhor da terapia é chegar antes, alguns minutos e ficar observando os meus colegas loucos na sala de espera. Onde faço a minha terapia é uma casa grande com oito loucos analistas. Portanto, a sala de espera sempre tem três ou quatro ali, ansiosos, pensando na loucura que vão dizer dali a pouco.
Ninguém olha para ninguém. O silêncio é uma loucura. E eu, como escritor, adoro observar pessoas, imaginar os nomes, a profissão, quantos filhos têm, se são rotarianos ou leoninos, corintianos ou palmeirenses.
Acho que todo escritor gosta desse brinquedo, no mínimo, criativo. E a sala de espera de um "consultório médico", como diz a atendente absolutamente normal (apenas uma pessoa normal lê tanto Paulo Coelho como ela), é um prato cheio para um louco escritor como eu. Senão, vejamos:
Na última quarta-feira, estávamos:
1. Eu
2. Um crioulinho muito bem vestido,
3. Um senhor de uns cinqüenta anos e
4. Uma velha gorda.
Comecei, é claro, imediatamente a imaginar qual seria o problema de cada um deles. Não foi difícil, porque eu já partia do principio que todos eram loucos, como eu. Senão, não estariam ali, tão cabisbaixos e ensimesmados.
(2) O pretinho, por exemplo. Claro que a cor, num país racista como o nosso, deve ter contribuído muito para levá-lo até aquela poltrona de vime. Deve gostar de uma branca, e os pais dela não aprovam o namoro e não conseguiu entrar como sócio do "Harmonia do Samba"? Notei que o tênis estava um pouco velho. Problema de ascensão social, com certeza. O olhar dele era triste, cansado. Comecei a ficar com pena dele. Depois notei que ele trazia uma mala. Podia ser o corpo da namorada esquartejada lá dentro. Talvez apenas a cabeça. Devia ser um assassino, ou suicida, no mínimo. Podia ter também uma arma lá dentro. Podia ser perigoso. Afastei-me um pouco dele no sofá. Ele dava olhadas furtivas para dentro da mala assassina.
(3)E o senhor de terno preto, gravata, meias e sapatos também pretos? Como ele estava sofrendo, coitado. Ele disfarçava, mas notei que tinha um pequeno tique no olho esquerdo. Corno, na certa. E manso. Corno manso sempre tem tiques. Já notaram? Observo as mãos. Roía as unhas. Insegurança total, medo de viver. Filho drogado? Bem provável. Como era infeliz esse meu personagem. Uma hora tirou o lenço e eu já estava esperando as lágrimas quando ele assoou o nariz violentamente, interrompendo o Paulo Coelho da outra. Faltava um botão na camisa. Claro, abandonado pela esposa. Devia morar num flat, pagar caro, devia ter dívidas astronômicas. Homossexual? Acho que não. Ninguém beijaria um homem com um bigode daqueles. Tingido.
(4) Mas a melhor, a mais doida, era a louca gorda e baixinha. Que bunda imensa. Como sofria, meu Deus. Bastava olhar no rosto dela. Não devia fazer amor há mais de trinta anos. Será que se masturbaria? Será que era esse o problema dela? Uma velha masturbadora? Não! Tirou um terço da bolsa e começou a rezar. Meu Deus, o caso é mais grave do que eu pensava. Estava no quinto cigarro em dez minutos. Tensa. Coitada. O que deve ser dos filhos dela? Acho que os filhos não comem a macarronada dela há dezenas e dezenas de domingos. Tinha cara também de quem mentia para o analista. Minha mãe rezaria uma Salve-Rainha por ela, se a conhecesse.
Acabou o meu tempo. Tenho que ir conversar com o meu psicanalista.
Conto para ele a minha "viagem" na sala de espera.
Ele ri... Ri muito, o meu psicanalista, e diz:
- O Ditinho é o nosso office-boy.
- O de terno preto é representante de um laboratório multinacional de remédios lá no Ipiranga e passa aqui uma vez por mês com as novidades.
- E a gordinha é a Dona Dirce, a minha mãe.
- "E você, não vai ter alta tão cedo..."


Texto creditado a Luis Fernando Veríssimo

Retirado do Blog Meus Poemas e Reflexões

http://ditadosereflexoes.blogspot.com/2011/03/cronica-da-loucura.html

quarta-feira, 16 de março de 2011

Frases curiosas

Se você não quer ouvir reclamações, trabalhe no SAC de alguma empresa fabricante de paraquedas.

Todo mundo comete erros. O truque é cometê-los quando ninguém está olhando.

Calculei meu IMC e constatei que minha altura está 20 cm abaixo da ideal.

Dizem que a bebida resolve todos os problemas. Pra mim ainda não resolveu, mas eu sou brasileiro e não desisto nunca!

As melhores crianças do mundo são as japonesas. Estão a 20 mil quilômetros de distância e quando estão acordadas eu estou dormindo.

Se acupuntura adiantasse, porco-espinho viveria para sempre.

Calorias são pequenos vermes inescrupulosos que vivem nos guarda-roupas, e que a noite ficam costurando e apertando as roupas das pessoas.

Se você se lembra de quantas bebeu ontem, então você não bebeu o bastante.

Cerveja sem álcool é igual travesti: a aparência é igual, mas o conteúdo é bem diferente!

Se vegetarianos amam tanto assim os animais, por que eles comem toda comida dos pobrezinhos?

O amor não é aquilo que te pega de surpresa e te deixa totalmente sem ar. O nome disso é asma.

O amor não faz brotar uma nova pessoa dentro de você. O nome disso é gravidez.

O amor não torna as pessoas mais bonitas. O nome disso é álcool.


Retirado do Blog Filosofias de Botequim do Padilha

http://filosofiasdebotequimdopadilha.blogspot.com/2011/03/frases-curiosas.html

A vaselina

Um cara adorava motos Harley Davidson.

Juntou dinheiro durante um  tempo e foi até a revendedora.

Chegando, o vendedor lhe disse:

- Temos a última Harley, que não foi  vendida ainda porque tem um pequeno defeito de fábrica. Não passou pelo último estágio de secagem da tinta e, portanto, não pode molhar, senão mancha a pintura.

- Não tem solução? - perguntou o sujeito.

- Tem - disse o vendedor -Quando o tempo estiver para chover, passe vaselina na moto que preserva a pintura sem problemas.

Sem pensar duas vezes, comprou a moto, passou na farmácia, comprou a  vaselina e guardou no bolso.

À noite, sua namorada  convidou-o para jantar na casa dela. Ele  chegou,  deixou a moto na rua e foi entrando.

A namorada foi logo  avisando:

- Querido, depois do jantar não fale nada, não abra a boca porque a  norma aqui em casa é a seguinte: o primeiro que falar qualquer coisa  tem que lavar a louça.

- Tudo bem, disse ele.

Após o jantar, todos quietos.

Começou a relampejar. O cara pensou: E agora? A moto lá fora, e eu não  posso falar nada...

Teve uma idéia. Agarrou a namorada e tascou aquele beijo de língua, na frente dos pais, na esperança que alguém  protestasse.

Ninguém falou nada. E dá-lhe relâmpago.

Agarrou a moça de novo, deitou-a na mesa, e traçou  a menina ali mesmo..

Ninguém falou nada. Ia começar a chover a qualquer momento. Não teve dúvida, agarrou a sogra e traçou a velha também.

E nada .. ninguém falou absolutamente nada....

Quando ouviu o primeiro pingo de chuva lá fora, levantou rapidamente, tirou a vaselina do bolso e...

O sogro assustado, disse:

- Deixa que eu lavo a louça!

 


"Um dia sem riso é um dia desperdiçado." ( Charles Chaplin )


Retirado do Blog Filosofias de Botequim do Padilha

http://filosofiasdebotequimdopadilha.blogspot.com/2011/03/vaselina.html

terça-feira, 15 de março de 2011

Algumas dos mineirins

HUMIRDADE MINEIRA... NÓIS SEMU ASSIM MESSSSSSSSSS

Três paulistas querendo contar vantagem pro mineirim :
1º.. paulista: - Eu tenho muito dinheiro... Vou comprar o Citibank!
2º. paulista: - Eu sou muito rico... Comprarei a Fiat Automoveis
3º. paulista: - Eu sou um magnata... Vou comprar a Usiminas
E os três ficam esperando o quê o mineiro vai falar.
O minerim da uma pitada nu cigarro de paia, ingole a saliva...
faz uma "parza"... e diz:
- Num vendo...



MINEIRIM NO RIDIJANEIRO

Um mineirim tava no Ridijaneiro, bismado cas praia, pé discarço, sem camisa, caquele carção samba canção, sem cueca pur dibacho.
Os cariocas zombano, contano piada de mineiro. Alheio a tudo, o mineirim olhou pro marzão e num se güentô: correu a toda velocidade e deu um mergúio, deu cambaióta, pegô jacaré e tudo mais.
Quando saiu, o carção de ticido finim tava transparente e grudadim na pele.
Tudu mundo na praia tava oiano pro tamanho do "amigão" que o mineirim tinha.
O bicho ia até pertim do juêio...A turma nunca tinha visto coisa igual. As
muié cum sorrisão, os homi roxo dinveja, só tinham olhos pro bicho.
O mineirim intão percebeu a situação, ficou todo envergonhado e gritou:
-Qui qui foi, uai? Seus bobãom... vão dizê qui quando oceis pula na agua fria, o pintim doceis num incói tamém...?



UAI SÔ

Um mineirinho bom de cama, passando por New York, pega uma americana e parte para os finalmentes.
Durante a relação, a americana fica louca e começa a gritar:
- Once more, once more, once more (mais uma vez)
E o mineirinho responde desesperado:
- Beozonte, Beozonte, Beozonte.....



NO BOTECO

O mineirinho entra num boteco e vê anunciado acima do balcão:
Pinga______________________  R$ 1,00
Cerveja_____________________ R$ 2,50
Pão de queijo________________ R$ 2,00
Sanduíche de galinha__________  R$ 3,00
Acariciar órgão sexual _________ R$ 5,00
Checando a carteira para não passar vergonha, ele vai até o balcão e chama
uma das três garotas que ali estão servindo:
- Ô moça, faiz favor.
- Sim! Em que posso ajudar? - responde ela com um sorriso lindo.
- É ocê que acaricia os órgão sexuar dos freguêis?
- Sou eu mesma! - responde ela, com voz 'caliente' e um olhar bem sensual.
- Então, ocê lava bem as mão, que eu quero um pão de quejo.



O VELHINHO MINEIRO

O velhinho, mineiro de Berlandia, está no hospital, nas últimas.....
O padre está ao seu lado para dar-lhe a extrema-unção.
Ele lhe diz ao ouvido:
- Antes de morrer, reafirme a sua fé em nosso Senhor Jesus Cristo e renegue
o Demônio.
Mas o velhinho fica quieto..
Ao que o padre insiste:
- Antes de morrer, reafirme a sua fé em nosso Senhor Jesus Cristo e renegue o Demônio.
E o velhinho..... nada.
Então o padre pergunta:
- Por que é que o senhor não quer renegar o Demônio?
O velhinho responde:
- Enquanto eu num soubé pronde vou, num quero ficá de mar cum ninguém!


Retirado do Blog Filosofias de Botequim do Padilha

http://filosofiasdebotequimdopadilha.blogspot.com/2011/03/algumas-dos-mineirins.html

segunda-feira, 14 de março de 2011

Adão mão-de-vaca

Adão estava perambulando triste pelo jardim do Éden, muito sozinho, quando Deus perguntou:
- O que há de errado com você?
Adão disse que não tinha com quem conversar e era muito solitário...
Deus disse-lhe que então iria lhe fazer uma companhia e que seria uma mulher. Disse mais:
- Ela será muito bonita, recolherá alimento para você; irá cozinhar para você, e quando você sujar suas vestimentas, ela lavará para você. Concordará sempre com cada decisão que você tomar e não o enganará. Será sempre a primeira a admitir que está errada quando vocês tiverem um desentendimento. Elogiará e o apoiará sempre. Carregará suas crianças, e nunca pedirá que você se levante no meio da noite para cuidar delas. Nunca terá uma enxaqueca e sempre terá vontade e disposição para lhe dar amor e carinho sempre que você necessitar.
Adão então perguntou a Deus:
- Quanto me custará essa mulher?
Deus respondeu:
- Um braço e uma perna!
Adão, pensou por um momento e então, falou:
- Senhor, o que posso conseguir por uma costela?
Naturalmente, o resto da história você conhece...

Olha o que dá ser mão-de-vaca...


Retirado do Blog Genialidades & Generalidades

http://padilhaverde.blogspot.com/2011/03/adao-mao-de-vaca.html

Kadafi

kadafi


Retirado do Blog Filosofias de Botequim do Padilha

http://filosofiasdebotequimdopadilha.blogspot.com/2011/03/kadafi.html

Dependendo da posição, o prazer será maior

Segundo estudos recentes,
parado,  fortalece a coluna;
de cabeça baixa estimula a circulação do  sangue;
de boca para cima é  mais prazeroso;
sozinho, é estimulante, mas egoísta;
em grupo, pode até ser divertido;
no banho é  muito arriscado;
no automóvel, pode ser perigoso...
Com frequência
desenvolve a imaginação;

entre duas pessoas, enriquece o conhecimento;
de joelhos, pode resultar doloroso...
Enfim, sobre a mesa ou no  escritório,
antes de comer ou na sobremesa,
sobre a cama ou na rede,
nus ou vestidos,
sobre
o sofá ou no tapete,
com música ou em silêncio,
entre lençóis ou no closet: Sempre é um ato de amor e de enriquecimento.
Não importa a idade, nem a raça, nem a crença, nem o sexo, nem a posição socioeconômica...

Ler é um prazer!


Retirado do Blog Genialidades & Generalidades

http://padilhaverde.blogspot.com/2011/03/dependendo-da-posicao-o-prazer-sera.html

sexta-feira, 11 de março de 2011

Reflexões interessantes

"Meu pai trabalhou na mesma empresa durante doze anos. Eles o demitiram e o substituiram por uma maquininha deste tamanho que fazia tudo que meu pai fazia, só que melhor. O deprimente é que minha mãe também comprou uma igual." (Woody Allen)

"As crianças de hoje são tiranas. Elas contradizem seus pais, cospem suas comidas e maltratam seus professores." (Sócrates)

"Em geral, meus filhos se recusam a  comer qualquer coisa que não dance e cante na TV." (Erma Bombeck)

"Quem não se comunica se trumbica." (Chacrinha)

"Vida é qualquer coisa que morre quando você pisa nela." (Dave Barry)

"O escuro é metada da zebra." (Arnaldo Antunes)

"Pra que beber e dirigir se você pode fumar e viajar?" (Carlos E.Medeiros)

"Você pode possuir um cão, mas no caso de um gato é mais provável que se dê o oposto." (Doug Larson)

"Gatos são peritos em conforto." (James Herriot)

"Meu hobby? Ah, eu tenho um preto mas gosto mais do vermelho." (Carla Perez)

"Ou se tem chuva e não se tem sol, ou se tem sol e não se tem chuva! Ou se calça a luva e não se põe o anel, ou se põe o anel e não se calça a luva! Quem sobe nos ares não fica no chão, quem fica no chão não sobe nos ares! É uma grande pena que não se possa estar ao mesmo tempo nos dois lugares! Ou guardo o dinheiro e não compro o doce, ou compro o doce e gasto o dinheiro! Ou isto ou aquilo: ou isto ou aquilo... e vivo escolhendo o dia inteiro! Não sei se brinco, não sei se estudo, se saio correndo ou fico tranquilo! Mas não consegui entender ainda, qual é melhor: se é isto ou aquilo! (Cecilia Meireles)

"Nós enforcamos os ladrãozinhos e indicamos os grandes ladrões para cargos públicos." (Esopo)

"Gentleman é um lobo paciente." (Henriquetta Tiarks)

"Se você pensa que é muito pequeno para fazer diferença, tente dormir em um quarto fechado com um mosquito." (Paulo Langrov)

"Você não fica rico com o que ganha; fica rico com o que poupa." (Yoshio Teresawa)

"Que pena que os homens não podem trocar seus problemas. Todo mundo sabe exatamente como resolver os problemas dos outros." (Olin Miller)

"A sabedoria é a qualidade que nos impede de nos metermos em situações em que iríamos precisar delas." (Doug Larson)

"Saudade é a presença da ausência." (Tristão de Ataíde)

"Uma só semente contém mil florestas." (Ralph Waldo Emerson)

"As pessoas são solitárias porque erguem paredes em vez de pontes." (Joseph Fort Newton)

"Um pai bem sucedido é aquele cujo filho ou filha é capaz de pagar sua própria terapia." (Nora Ephron)

"Turismo rende mais que madeira." (Rubem Duailibi)

"Vegetais não são comida. Vegetais são o que a comida come." (Paulo Langrov)

"Enquanto o homem não souber para qual porto quer ir, nenhum vento será o vento certo." (Sêneca)

"Uma longa viagem começa com um único passo." (Lao-Tsé)


Retirado do Blog Filosofias de Botequim do Padilha

http://filosofiasdebotequimdopadilha.blogspot.com/2011/03/reflexoes-interessantes.html

Ótimas reflexões

"Preguiça é o hábito que se contraiu de descansar antes da fadiga." (Jules Renard)

"Chifre é uma coisa que está muito enraizada na nossa cabeça." (Falcão)

"Aprendi com a primavera a me deixar cortar. E a voltar inteira." (Cecilia Meireles)

"O mundo é pequeno desde que você viaje na primeira classe." (Ciro Pellicano)

"Esperar o príncipe é roubada." (Luana Piovani)

"Não é fácil encarar os problemas um a um quando eles se recusam a se enfileirar." (Ashleigh Brilliant)

"Proibir é despertar o desejo." (Michel de Montagne)

"Para viajar basta existir." (Fernando Pessoa)

"Não importa se o gato é preto ou branco, desde que ele pegue ratos." (Deng Xiaoping)

"Você não para de rir porque envelheceu; você envelheceu porque parou de rir." (Michael Pritchard)

"Duas regras para se ter sucesso em tudo na vida: 1-Nunca revele a ninguém tudo o que sabe; 2-_________ ." (Joseph Murphy)

"Seja como um selo: aguente até chegar ao seu destino." (Josh Billings)

"Sexo não é a resposta. Sexo é a pergunta. "SIM" é a resposta." (Dialogo do filme Homem Morto no Campus)

"Quando lhe perguntaram que condenação seria mais aplicável a um bígamo: 'Duas Sogras' ." (Lord John Russel)

"Alguns pintores transformam o sol em mancha amarela. Outros transformam a mancha amarela em sol." (Pablo Picasso)

"Um sorisso é a distância mais curta entre duas pessoas." (Victor Borge)

"Todas as pessoas do mundo sorriem no mesmo idioma." (Morris Mandel)

"Se me virem dançando com mulher feia é porque a campanha já começou." (Juscelino Kubitschek)

"Políticos e fraldas tem uma coisa em comum. Precisam ser trocados regularmente e pela mesma razão." (Paulo Langrov)

"O contribuinte é o único cidadão que trabalha para o governo sem ter de prestar concurso." (Ronald Regan)

"As pessoas nunca mentem tanto quanto depois de uma caçada, durante uma guerra ou antes de uma eleição." (Otto von Bismark)

"Político honesto é aquele que, depois de comprado, permanece comprado." (Simon Cameron)

"Amar o povo é fácil. O difícil é amar o próximo." (Henry Ford)

"O problema do gordo é só um: quando ele penetra, não beija; quando beija não penetra." (Tim Maia)

"Devia existir uma lei que obrigasse político e família de político a só estudar em escola pública e só se tratar em hospital público. Eu não dava um ano para estar tudo uma maravilha." (Carlos E. Medeiros)


Retirado do Blog Filosofias de Botequim do Padilha

http://filosofiasdebotequimdopadilha.blogspot.com/2011/03/otimas-reflexoes.html

quinta-feira, 10 de março de 2011

20 frases de reflexão

"Se os homens escalam montanhas só porque estão ali, porque não lavam a louça." (Heather Marchant)

"As melhores coisas do mundo não custam nada. Caro é o Motel." (Lisandro Campos)

"Nada dura, mas muda." (Heráclito)

"Mulheres e elefantes nunca esquecem." (Dorothy Parker)

"Ainda que a expulses com um forcado, a natureza voltará a aparecer." (Horácio)

"As paixões são como as ventanias que incham as velas do navio. Algumas vezes o afundam, mas sem elas não se pode navegar." (Voltaire)

"O Tom falava que garota de Ipanema era a galinha dos ovos de ouro, mas eu não ganhei nem um pinto com isso." (Helô Pinheiro)

"Noiva: moça que geralmente usa branco por fora e vermelho por dentro." (Adriana Falcão)

"Não sei o que você espera da vida, mas, seja o que for, o melhor é ir buscar." (Ciro Pellicano)

"Outono é uma segunda primavera onde cada folha é uma flor." (Albert Camus)

"Todas as paixões são boasquando somos senhores delas, e todas são más quando se tornam nossos senhores." (Jean-Jaques Rosseau)

"Os três estágios da vida de um homem: 1-Ele acredita em Papai Noel, 2-Ele não acredita em Papai Noel, 3-Ele é o Papai Noel." (Paulo Langrov)

"Saudades a gente tem é dos pedaços de nós que ficam pelo caminho." (Martha Medeiros)

"Meu peixe favorito? Uma piranha na banheira de minha ex-mulher." (W. C. Fields)

"O sujeito que carrega um revólver dentro da calça não tem o menor amor pela pistola." (Paulo Mayr Cerqueira)

"Eu tenho um amigo que se recusa a vota. Ele insiste que não importa em quem você vote, sempre ganha um político." (The Executive Speechwriter Newsletter)

"Os homens são criaturas com duas pernas e oito mãos." (Jane Mansfield)

"O problema de ser pontual é que não há ninguém lá para elogiar você." (Franklin P. Jones)

"As oportunidades são como o nascer do sol; se você esperar demais vai perde-las." (Willian Arthur Ward)

"Todo mundo antes de nascer era um porra-louca." (Anacleto Neves)


Retirado do Blog Filosofias de Botequim do Padilha

http://filosofiasdebotequimdopadilha.blogspot.com/2011/03/20-frases-de-reflexao.html

Mais Reflexões

"Um mosquito é uma pequena criação da natureza para nos fazer pensar melhor sobre as moscas." (André Guillois)

"Felicidade é um modo de viajar, não o destino." (Roy Goodman)

"Envelhecer é todavia o único meio que se descobriu para viver muito tempo." (Charles Augustin Sainte-Beuve)

"Gratidão é a memória do coração." (Antistenes)

"Está para nascer o homem que nunca teve o secreto desejo de dar um chute na bunda de um guri." (W. C. Fields)

"No Havaí, todas as sandálias são havaianas." (Carlos Farielo)

"Gosto de homens que vivem como homens - fortes e infantis." (Françoise Sagan)

"Três frases para fracilitar a sua vida:

-Segura para mim.

-Já estava assim quando cheguei.

-Bem pensado chefe." (Hommer Simpson)

"Infância é uma vida sob uma ditadura." (Grahan Greene)

"Eu tenho o maior medo desse negócio de ser normal." (John Lennon)

"Quem compra seus males espanta." (Céo Pontual)

"Eu adoraria voltar ao Brasil, mas soube que o problema dos macacos está cada vez pior por lá." (Hommer Simpson)

"O que me impressiona, à vista de um macaco, não é que ele tenha sido no passado. É esse pressentimento de que ele venha a ser  o nosso futuro." (Mário Quintana)

"Se você acha que pode ou sonha que pode, comece. Ousadia tem genilidade, poder e mágica. Ouse fazer e o poder lhe será dado." (Ghoethe)

"Desencana da localização geográfica e brinca no mapa todo." (Penelope Nova, respondendo a um garoto que queria saber como localizar o ponto G)

"Não estava nua. Fiquei de luvas, vocês não viram?" (Merilyn Monroe)

"Dilma no lugar do Lula seria como a Marlene Matos apresentando o Xou da Xuxa." (José Simão)

"Você também precisa ter consciência de que as meninas vencem a maior parte das discussões e quase todo poder é delas. Se você souber disso agora, as coisas podem ser bem mais fáceis." (Alec Greven, 8 anos)

"Quando as pessoas são livres para fazer o que querem, elas geralmente imitam umas as outras." (Eric Hoffer)

"Minha avó começou a andar uma hora por dia quando tinha 60 anos. Agora ela já está com 95 e não temos a menor idéia de onde ela foi parar." (Ellen D.)

"Se Maomé não vai á montanha, a montanha vaia Maomé." (Casseta & Planeta)


Retirado do Blog Filosofias de Botequim do Padilha

http://filosofiasdebotequimdopadilha.blogspot.com/2011/03/mais-reflexoes_10.html

Outras Reflexões

"Minha única reclamação sobre ter um pai fazendo moda é que toda vez que to indo para cama com um cara tenho que olhar o nome do meu pai escrito na cueca dele." (Merci Klein)

"Veja, o problema é que Deus deu ao homem o cérebro e o pênis, mas sangue suficiente para funcionar um de cada vez." (Robin Willians)

"Cão que ladra também morde, mas avisa." (Lauro Padilha)

"No céu é sempre domingo. E a gente não tem outra coisa a fazer senão ouvir os chatos. E lá, é ainda pior que aqui pois se trata dos chatos de todas as épocas do mundo." (Mário Quintana)

"É melhor calar-se e deixar que as pessoas pensem que você é um idiota do que falar e acabar com a dúvida." (Abraham Lincoln)

"Yo no creo en brujas, pero que las hay, las hay." (Miguel de Cervantes)

"Aprendi que amadurecer doi, mas o fruto pode ser bom." (Maria Clara Machado)

"Angustia é um nó bem apertado no meio do sossego." (Adriana Falcão)

"A diferença entre sexo pago e o sexo grátis, é que o sexo pago costuma sair mais barato." (H. L. Mencken)

"Você tem o teu caminho, eu tenho o meu. Quanto ao caminho certo, o correto, o único caminho, não existe." (Friedrich Wilhelm Nietzsche)

"O bom não é ser importante. O importante é ser bom." (Roque Schneider)

"Moda é a futilidade levada a sério, e eu gosto tanto da moda quanto de futilidades." (Sarah Moon)

"Seja realista. Se as pessoas não estão interessadas no que você tem a dizer, porque estariam interessadas no que sua camiseta está dizendo?" (Fran Lebowitz)

"O essencial é invisível aos olhos." (Pequeno Príncipe)

"Um bebê nasce com a necessidade de ser amado, e nunca supera isso." (Frank A. Clark)

"È mais fácil um camelo passar por um buraco de agulha do que encontrar um ditado bíblico razoável."  (Casseta & Planeta)

"O que importa é a beleza inferior." (Fernando Pires)

"O que a lagarta chama de fim do mundo, o mestre chama de borboleta." (Richard Bach)

"Por pior que seja o buraco em que você se encontra, pelo menos ainda não há terra em cima." (Paulo Langrov)

"A primeira regra dos buracos: quando você estiver em um, pare de cavar." (MIlly Ivans)

Mais Reflexões

"Guardar ressentimento é como tomar veneno e esperar que a outra pessoa morra." (Malachy Mccourt)

"A decisão de ter um filho é muito séria. É decidir ter, para sempre, o coração fora do corpo." (E. Stone)

"De que adianta correr quando se está no caminho errado?" (Lauro Padilha)

"O sol nasce para todos. Já o crepúsculo é meio classe média." (Ivan Lessa)

"Primeiro ensinamos a criança a falar. Depois a ficar quieta." (Jürgen prochnow)

"Viver é como dançar: as pessoas não ligam se você não sabe dançar - contanto que não pise no pé delas." (Ediel)

"Guardar segredo é como tentar esconder um elefante numa caixa de fósforos." (Valmir P. Pires)

"Nada é tão contagioso quanto o entusiasmo." (Edward George Bulwer Lytton)

"Escrever é fácil. Você começa com maiúscula e termina com um ponto final. No meio, coloca idéias." (Pablo Neruda)

"Escrever é um modo de falar sem ser interrompido." (Henry David Thoreau)

"É preciso aceitar que uns dias você é pombo e outros dias você é a estátua." (Roger Andersen)

"Felicidade é alguém para amar, algo para fazer e algo para aspirar." (Joseph Addison)

"A natureza é grande nas grandes coisas, mas é grandiosa nas pequenas." (Bernardin de Saint Pierre)

"Um homem que abandona a natureza começou a abandonar a si mesmo." (Pierre van Paassen)

"Alguns dias nascem tão lindos que é um crime sair da cama." (W. Somerset Maughan)

"A formosura vale mais do que qualquer carta de recomendação." (Aristóteles)

"Errar é humano, mas quando a borracha se gasta mais do que o lápis, você está positivamente exagerando." (J. Jenkins)

"Aquilo que falam de mim, não me diz respeito." (Mario Quintana)

"Se você é capaz de sorrir quando tudo deu errado, é porquê já descobriu em quem por a culpa." (Thomas Jones)

"Mesmo depois do leite derramado é importante pensar que a vida continua e a vaca não morreu." (Eno Teodoro Wanke)

"Tolo é aquele que afundou seu navio duas vezes e continua culpando o mar." (Publius Syrus)

Reflexões & Cia

"Quando eu tiver setenta anos então vai acabar esta minha adolescência. Vou largar da vida louca e terminar minha livre docência. Vou fazer o que meu pai quer começar a vida com passo perfeito. Vou fazer o que minha mãe deseja aproveitar as oportunidades de virar um pilar da sociedade e terminar meu curso de direito. Então ver tudo em sã consciência quando acabar esta adolescência." (Paulo Leminski)

"Não se ganham corações de presente. Corações, só os recebemos, por merecimento." (willian Butler Yeats)

"Àgua mole em pedra dura tanto bate até que dá uma dor de cabeça danada." (Céu Pontual)

"Eu chorava por não ter sapatos, encontrei um homem que não tinha pés." (Arnaldo Lemos)

"Não é a altura, nem o peso, nem os músculos, que tornam uma pessoa grande. É sua sensibilidade sem tamanho." (Martha Medeiros)

"Estamos todos no mesmo barco: cada um por si." (Lily Tomlin)

"Bendito quem inventou o belo truque do calendário, pois o bom da segunda-feira, do dia primeiro do mês e de cada ano novo, é que nos dão a impressão de que a vida não continua, apenas recomeça..." (Mário Quintana)

"Nenhuma pessoa civilizada vai para cama no mesmo dia em que se levantou dela." (Richard Harding Davis)

"Pelas estatísticas o lugar mais perigoso do mundo, é a cama, pois é o lugar que mais se morre." (Daiana Ruttul)

"Nunca xingue a mãe de um crocodilo, a menos que você já tenha atravesado o rio." (Lauro Padilha)

"Não acredite em extraterrestres. Eles são mentirosos." (Paulo Langrov)

"Muita luz é como muita sombra. Não deixa ver." (Carlos Castañeda)

"Todos os animais, com excessão do home, sabem que o principal objetivo da vida é usufruí-la." (Samuel Butler)

"Software é a parte que você xinga. Hardware é a parte que você chuta." (Carlos E. Medeiros)

"Um conservador é um homem que é muito covarde para lutar e muito gordo para correr." (Elbert Hubbard)

"Se você bebe para esquecer, favor pagar a conta antes." (Isabel T. Ribeiro)

"O motivo pelo qual tão poucas pessoas são agradáveis numa conversa é que cada qual está pensando mais a respeito do que pretente dizer que a respeito do que os outros estão dizendo." (Duque François de la Rochefoucald)

"Algumas pessoas fazem acontecer. Algumas pessoas olham as coisas acontecerem. Algumas perguntam o que aconteceu." (Lauro Padilha)

"O coquetel é um jeito de não ficar em falta com pessoas que você não quer convidar para jantar." (Charles Merrill Smith)

quarta-feira, 9 de março de 2011

AMENIDADES CUBANAS

Fidel está fazendo um de seus famosos discursos:
— E a partir de agora teremos de fazer mais sacrifícios!
Diz alguém na multidão:
— Trabalharemos o dobro!
— ... E temos de entender que haverá menos alimentos!
Diz a mesma voz:
— Trabalharemos o triplo!
— ... E as dificuldades vão aumentar!
Completa a mesma voz:
— Trabalharemos o quádruplo!
Aí o Fidel pergunta ao chefe de segurança:
— Quem é esse sujeito que vai trabalhar tanto?
— O coveiro, mi comandante.

***
O governo revolucionário vai tomar todas as providências para que nenhum cubano vá para a cama sem comer: Vai recolher todas as camas.
***
O pai cubano pergunta ao filho pequeno:
— O que você quer ser quando crescer?
— Estrangeiro.
***

Putin foi a Cuba e ficou impressionado com o número de pessoas usando
sapatos com solas furadas, rasgados em cima, etc. Estranhou que, depois de
passados 40 anos de “melhoras”, as pessoas ainda estavam com sapatos
rasgados e maltratados. Perguntou a Fidel a razão disso. Fidel, indignado,
respondeu com uma pergunta:
— E na Rússia, não é a mesma coisa? Vai me dizer que lá todo mundo tem
sapato novo?
Putin disse a Fidel que fosse à Rússia para conferir. E se ele encontrasse
um cidadão qualquer com sapatos furados, tinha a permissão para matar essa
pessoa. Fidel tomou um avião e se mandou para Moscou. Quando desembarcou,
a primeira pessoa que viu estava com sapatos rasgados e furados, que
pareciam ter pertencido ao avô. Não titubeou. Tirou a pistola e matou o
sujeito. Afinal, tinha permissão de seu colega Putin para fazer isso. No
dia seguinte os jornais anunciaram:

PRESIDENTE DE CUBA MATA SEU EMBAIXADOR
NO AEROPORTO.

***

Fidel Castro morre e chega no céu, mas não estava na lista. Assim, São
Pedro o manda ao inferno. Quando chega lá, o diabo em pessoa o recebe e
diz: — Olá, Fidel, seja bem-vindo. Eu estava à sua espera. Aqui você vai
se sentir em casa.
— Obrigado, Satanás, mas estive primeiro no céu e esqueci minhas malas lá
em cima, na portaria.
— Não se preocupe. Vou enviar dois diabinhos para pegar suas coisas. Os
dois diabinhos chegam às portas do céu, mas as encontram fechadas, porque
São Pedro tinha saído para almoçar. Um dos diabinhos diz ao outro: — Olha,
é melhor pularmos o muro. Aí pegamos as malas sem perturbar ninguém. Os
dois diabinhos começam a escalar o muro. Dois anjinhos passavam por ali, e
ao verem os diabinhos, um comenta com o outro:
— Não faz nem dez minutos que Fidel está no inferno, e já temos refugiados.

***

Uma professora cubana mostra aos alunos um retrato do presidente Bush, e
pergunta à classe:
— De quem é este retrato?
Silêncio absoluto.
— Eu vou ajudar vocês um pouquinho. É por culpa deste senhor que nós
estamos passando fome.
— Ah, professora! É que sem a barba e o uniforme não dava para reconhecer!


Retirado do Blog Muita Falta de Sacanagem

http://muitafaltadesacanagem.blogspot.com/2011/03/amenidades-cubanas.html

terça-feira, 8 de março de 2011

POLITICAMENTE CORRETO... É O ESCAMBAU!

O CRAVO NÃO BRIGOU COM A ROSA
Postado por Luiz Antonio Simas

Chegamos ao limite da insanidade da onda do politicamente correto.

Soube dia desses que nas creches e escolas, as crianças não cantam mais 'O cravo brigou com a Rosa'. A explicação da professora do filho de um camarada foi comovente: a briga entre o cravo (o homem) e a rosa (a mulher) estimula a violência entre os casais. A nova letra agora é "o cravo encontrou a rosa / debaixo de uma sacada /o cravo ficou feliz / e a rosa ficou encantada".

Mas que diabos é isso? O próximo passo é enquadrar o cravo na Lei Maria da Penha. Será que esses doidos sabem que 'O cravo brigou com a rosa' faz parte de uma suíte de 16 peças que Villa Lobos criou a partir de temas recolhidos no folclore brasileiro?

É Villa Lobos, cacete!

Outra música infantil que mudou de letra foi 'Samba Lelê'. Na versão da minha infância o negócio era o seguinte: Samba Lelê tá doente / Tá com a cabeça quebrada / Samba Lelê precisava / É de umas boas palmadas.

A palmada na bunda está proibida por incitar à violência contra a menina Lelê. Então, a tia do maternal agora ensina assim: Samba Lelê tá doente / Com uma febre malvada /  Assim que a febre passar / A Lelê vai estudar.

Se eu fosse a Lelê, com uma versão dessas, torcia pra febre não passar nunca. Os amigos sabem de quem é Samba Lelê? Villa Lobos de novo. Podiam até registrar a parceria. Ficaria assim: Samba Lelê, de Heitor Villa Lobos e Tia Nilda do Jardim Escola Criança Feliz.

Também comunico que não se pode mais atirar o pau no gato, já que a música pode despertar nas crianças o desejo de maltratar os bichinhos. E quem entra na roda dança, nos dias atuais, não pode mais ter 7 namorados para se casar com um. Sete namorados é coisa de menina fácil. Ninguém mais é pobre ou rico de marré-de-si, para não despertar na garotada o sentido da desigualdade social entre os homens.

Dia desses alguém (não me lembro exatamente quem se saiu com essa e não procurei a referência no meu babalorixá virtual, o Pai Google da Aruanda) foi espinafrado porque disse que ecologia era, nos anos 70, coisa de viado.

Qual é o problema da frase? Ecologia, de fato, era mesmo vista como coisa de viado. Eu imagino se o meu avô, com a alma de cangaceiro que possuía, soubesse, em mil novecentos setenta e poucos, que algum filho estava militando na causa da preservação do mico leão dourado, em defesa das bromélias, dos vagalumes ou coisa que o valha. Bicha louca, diria o velho.

Vivemos tempos de 'não me toques que me magôo'. Quer dizer que ninguém mais pode usar a expressão coisa de viado? Que me desculpem os paladinos da cartilha da correção, mas isso é uma tremenda babaquice. O politicamente correto é a sepultura do bom humor, da criatividade, da boa sacanagem. A expressão coisa de viado não é, nem a pau (sem duplo sentido), ofensa a bicha alguma.

Daqui a pouco só chamaremos o anão (o popular pintor de roda-pé ou leão de chácara de baile infantil) de deficiente vertical; o crioulo (vulgo picolé de asfalto ou bola 7, dependendo do peso) só poderá ser chamado de afrodescendente; o branquelo (o famoso branco azedo ou Omo Total) será um cidadão caucasiano desprovido de pigmentação mais evidente; a mulher feia (aquela que nasceu pelo avesso, a soldado do 5º batalhão de artilharia pesada e também conhecida como o rascunho do mapa do inferno) será apenas a dona de um padrão divergente dos preceitos estéticos da contemporaneidade; o gordo (outrora conhecido como rolha de poço, chupeta do Vesúvio, baleia assassina e botijão de gás) será o cidadão que está fora do peso ideal; o magricela não poderá mais ser chamado de morto de fome, pau de virar tripa e Olívia Palito; o careca não será mais o aeroporto de mosquito, tobogã de piolho e pouca telha. E por aí vai...

Nas aulas sobre o barroco mineiro, não poderemos mais citar Aleijadinho. Teremos que dizer: o escultor Antônio Francisco Lisboa era portador de necessidades especiais. Ah..., vamos combinar que não dá, né??!!

O politicamente correto também vem gerando a morte dos apelidos (alcunhas), essa tradição fabulosa do Brasil.

O recente Estatuto do Torcedor quer, com os olhos gordos na Copa e nas Olímpiadas, disciplinar as manifestações das torcidas de futebol. Ao invés de mandar o juiz pra puta que o pariu e o centroavante pereba tomar no rabo, cantaremos nas arquibancadas o allegro da 9ª Sinfonia de Beethoven, entremeado pelo coro de Jesus, alegria dos homens, do velho Bach.

Falei em velho Bach e me lembrei de outra. A velhice não existe mais. O sujeito cheio de pelancas, doente, acabado, o famoso pé-na-cova, aquele que já dobrou o Cabo da Boa Esperança, o cliente do seguro-funeral, o popular tá mais pra lá do que pra cá, já tem motivos para sorrir na beira da sepultura. A velhice agora passou a ser simplesmente a "melhor idade".

Se Deus quiser, todos iremos morrer gozando da mais perfeita saúde. Defuntos? Não. Seremos os inquilinos do Condomínio da Cidade dos Pés Juntos.


Retirado do Blog Genialidades & Generalidades

http://padilhaverde.blogspot.com/2011/03/politicamente-correto-e-o-escambau.html

segunda-feira, 7 de março de 2011

Veterinário vegano e ativista ensina sobre o verdadeiro respeito pelos animais

 

Randall Cannon participa de ações para sensibilizar as pessoas sobre os direitos animais (Foto: Reprodução/Vegans Are Cool)

Randall Cannon é um veterinário vegano de Orlando, Flórida (EUA). Em uma entrevista concedida ao blog Vegans Are Cool, Randall conta suas perspectivas em relação aos animais:

1 – O que o inspirou a se tornar vegano?

Minha inspiração de me tornar vegano foram, sem sombra de dúvidas, os animais. Saúde e benefícios ambientais são consequência. Eu cresci numa família que caçava até eu completar 20 anos. Como a maioria das pessoas, eu olhava para os animais como uma fonte de prazer pessoal, tanto com relação ao sabor como para esportes. Quando eu entrei na Escola de Veterinária, eu já me importava com os animais, mas de uma maneira bem egoísta, olhando-os mais como uma propriedade do que como um ser dotado de alma – eu amava animais mais pela alegria que eles me traziam.

Eu fui treinado junto à indústria pecuária e tinha conhecimento pleno dos horrores que envolviam trazer os produtos de origem animal para a mesa. Eu era capaz de manter a minha cegueira e continuar a comer carne todos os dias por mais ou menos 10 a 12 anos durante a minha carreira. Entretanto, em algum lugar, no meio do caminho, meus pacientes mostravam-me continuamente que eles eram especiais, se não mais especiais que os humanos. Eles certamente tinham as almas puras. Eu comecei a olhar os animais como seres verdadeiros que mereciam toda a dignidade e direitos a serem dados pelos humanos. Eu gostava muito de bife – filé mignon era meu favorito. Depois de uma boa refeição, eu era sempre assombrado pela visão do olhar de uma vaca, o olhar de uma vaca inocente.

A hipocrisia de trabalhar todos os dias para salvar um cachorro ou um gato e chorar quando eu não os podia salvar, mas chegar em casa e comer um bife começou a me incomodar. Eu desisti de comer carne  a mais ou menos uns oito, nove anos atrás, mas eu continuei a comer peixe diariamente até há um ano atrás, quando eu finalmente admiti os horrores da indústria como um todo. Agora, eu percebo que eu não tenho o direito de usar os animais pelo seu sabor, moda, conveniência ou diversão, nem mesmo posso sentar-me em paz enquanto os animais sofrem abusos por humanos.

2 – Na sua opinião, como doutor, você vê sua dieta vegana como saudável?

Como alguém que teve uma educação médica, a despeito de veterinária, eu acredito de coração que uma dieta vegana seja uma escolha saudável para humanos. Eu não me tornei vegano pela saúde, mas por razões éticas. O bônus, para mim, é que a minha saúde melhorou e muito. Eu tenho 46 anos e eu não preciso mais de remédios para colesterol, estou no peso ideal e em boa forma. Quando eu consumia produtos animais, eu sofria de indigestão e frequentemente acordava no meio da noite para tomar antiácido, entretanto, desde que adotei o veganismo, o problema se resolveu. Eu encorajei pessoas a lerem o “The China Study” para que elas entendessem o quão ruim os produtos animais são para a nossa saúde. Eu olho para os meus amigos veganos e eu estou sempre espantado com a sua juventude, comparada com a população em geral.

3 – É bem estranho que não haja ainda mais veganos no mundo. Minha avaliação de que veterinários amam animais e não gostariam de vê-los sofrer no processo industrial está incorreta?

Eu acho estranho também. Como muitas pessoas, veterinários são capazes de usar vendas e ignorar o que eles sabem a respeito da indústria pecuária. Eu participo de um programa de educação continuada com aulas mensais e que ocorre num restaurante carnívoro. Eu sou o único vegetariano que pede comida vegana. Eu sento na mesa com veterinários envelhecidos e acima do peso e que pedem por bifes e raramente (…) um deles uma vez mesmo disse que queria que o bife mugisse quando batesse no seu prato. Eu não falo nada quando estou na mesa. Eu não os acuso de serem más pessoas, mas eu afirmo a hipocrisia do especismo (…), que nós trabalhamos o dia inteiro cuidando de cachorros e gatos, mas não damos a mínima para o gado, baleias, golfinhos em parques, animais de circo etc, entretanto eu mordo a minha língua e tento alcançá-los pelo coração. Eu espero que um dia os veterinários lutem pelos direitos dos animais, ao invés de defenderem instituições que nos doutrinam com noções de que é nosso direito usar os animais.

4 – Animais como cães e gatos podem ser veganos? Qual é a melhor dieta para nossos animais?

Eu acho que dietas veganas para animais são seguras para alimentar cachorros. Para gatos, sendo eles verdadeiros carnívoros que requerem proteína animal, é uma história bem diferente. Eu não tenho experiência pessoal com dietas veganas felinas, mas estou pesquisando sobre o assunto.

5 – Em adição ao seu trabalho veterinário, você também está envolvido com o movimento dos direitos animais. Você pode nos contar um pouco sobre os projetos que você está envolvido e sobre o que você está fazendo?

Desde o momento em que eu pude retirar minha venda e reconhecer os horrores da pecuária, comer uma dieta vegana não foi suficiente. Eu não posso sentar tranquilamente enquanto os animais nascem para viver um inferno e têm seus corpos cortados para nossos prazer, conveniência, moda e diversão. Eu ativamente tento mostrar às pessoas a realidade de suas escolhas e mostrar-lhes a hipocrisia de amar cachorros e gatos, mas participar da indústria pecuária. Eu estou certo que eu ofendi várias, mas eu sempre penso que é melhor ofende-las do que não apoiar os animais que não têm voz. Eu realmente não me importo se ofendi alguém que não se importa de maltratar animais inocentes das piores maneiras possíveis. Saia dessa e enfrente a realidade.

Eu também estou envolvido com grupos locais de direitos animais, como a ARFF e frequentemente participo de protestos em lojas de animais, circos, “Sea Worlds” e caçadas com cães. Eu também adoto animais da minha clínica e distribuo livros veganos. Eu acredito que não basta só cuidar, é preciso agir!

6 – Você tem alguma dica sobre como nós podemos proteger a saúde de nossos animais?

Procure um veterinário vegano (…) ele sempre verá o interesse do animal e de coração. Dê muito amor ao seu amigo, faça exercícios e dê comida fresca. Aprenda sobre suas doenças e problemas. Tutores bem educados têm animais saudáveis.

7 – Se você tivesse uma mensagem para o mundo sobre como devemos nos comportar em relação aos animais, qual seria?

Isso é bem difícil, pois eu tenho muitas mensagens. Eu acho que os animais gostariam que a gente soubesse que eles são muito mais inteligentes e conscientes do que nós nos damos conta (…) que eles sentem dor emocional no mesmo nível que nós. Separar um bezerro de sua mãe a machuca tão profundamente como quando um bebê é tirado de sua mãe humana.

Encaminhar o gado para matadouros gera tanto medo e horror da mesma forma que humanos sentiram quando foram levados para campos de concentração e encaminhados para os “banhos da morte”. Não é sobre superioridade e quem é mais inteligente; é sobre seres sencientes experimentando dor e sofrimento. Eu testemunhei o sofrimento dos animais da indústria pecuária (…) é real e horrível. Qualquer veterinário que nos diz o contrário é um mentiroso ou distorceu a sua visão de sofrimento e assassinato.

8 – Tem algo mais a comentar?

Eu ainda não encontrei uma pessoa que tenha se tornado vegana porque não gostava do gosto de carne. É realmente deprimente se você valoriza mais as suas percepções, moda e diversão do que o sofrimento e as vidas dos animais. É assim muito simples. Como veterinário que salva as vidas dos animais todos os dias, a verdade é que você pode salvar mais vidas do que eu nunca pude, simplesmente tornando-se vegano (…), sem diploma requerido! A ironia de tudo isso, dos humanos matando animais, é que ultimamente, o consumo que fazemos deles é o que nos está matando. Karma.

Por Camila Arvoredo


Retirado do Blog Genialidades & Generalidades

http://padilhaverde.blogspot.com/2011/03/veterinario-vegano-e-ativista-ensina.html

ARH - ASSOCIAÇÃO DE RECUPERAÇÃO DE HOMOSSEXUAIS

ARH - ASSOCIAÇÃO DE RECUPERAÇÃO DE HOMOSSEXUAIS
Há dez anos recuperando o homem que existe em você.

Prezado Senhor

Nós da ARH temos o que você precisa.Mas antes de tudo, o que é ARH? Nós respondemos:
É a associação de recuperação de homossexuais, de âmbito internacional, com sede na cidade de San Francisco - EUA, com filiais em Campinas - SP ,
Santos Dumont - MG, Airuorca - MG, Oliveira - MG, Ijuina - MT, Pelotas - RS e Valença - RS.

E por que escrevemos para você?
É simples: Mantemos uma equipe ativa e atenta observando homossexuais do mundo inteiro, e um de nossos membros observou seu modo "Suave e Dengoso" de andar e sua "Delicada" maneira de atender telefone, bem como outras "Escorregadelas Inadvertidas".
Baseados em informações confidenciais de nossos agentes e declarações de seus amigos "Íntimos", visualizamos em você o homossexual do tipo BLOPAR (Bicha Louca Padrão Ainda Recuperável), o que nos dá segurança em afirmar que atingiremos sua quase total recuperação.

Comomostra de nossa seriedade, comunicamos que já estão sob nossos cuidados e em terapia os senhores  Pedro Bial - BLOV (Bicha Louca Venenosa), Rafael Greca - BLEPAR (Bicha Louca Enrustida Porém Ativa e Rica), Vitor Fasano - BLAM (Bicha Louca Artista e Modelo), entre outros que estão conseguindo considerável progresso apesar de classificados na categoria II (Irremediavelmente Irrecuperáveis).

Contamos com sua força de vontade e compreensão.

Aconselhamos, como medidas preparatórias observarem as seguintes regras:
1 - Urine sempre de pé;
2 - Abstenha-se de dormir com pessoas do sexo masculino;
3 - Procure mudar seu modo de andar, sentar, cruzar as pernas, trejeitos e sua maneira de falar;
4 - Procure olhar para mulheres, isso é importante, mas nunca as imite;
5 - Mantenha sempre em mente a frase:
"BUCETA NÃO MORDE";
6 - Não introduza nada em seu ânus durante o ato sexual.
Aguarde nossas próximas correspondências e torne-se um homem. Muito em breve você receberá nossa carteirinha BLER (Bicha Louca Em Recuperação), na categoria Junior.. Como Michael Jackson, você terá direito a usar um Junior qualquer durante a recuperação.
Rogamos para que não rasgue esta carta, atitude característica do BLOD (Bicha Louca Desvairada).

Atenciosamente,

DR. JACINTO DORES AQUINO REGO
Diretor Regional da ARH com sede em Santos Dumont

DR. KU DO ENDO
Vice-Presidente Brasil da ARH com sede em Juiz de Fora

DR. KUKISAY CHANG
Presidente Internacional da ARH


Retirado do Blog Genialidades & Generalidades

http://padilhaverde.blogspot.com/2011/03/arh-associacao-de-recuperacao-de.html